quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

E a luta da educação ganha o apoio dos estudantes em Macaé.

 Estudantes da Rede Estadual ocuparam as Ruas de Macaé.

Os Estudantes deram uma aula de dignidade nas ruas da cidade, com muita organização e garra, a manifestação iniciou às 7 horas, no Colégio Matias Neto, passaram pelas escolas Luiz Reid, 1°de Maio, CIEP Aroeira, em caminhada até a Câmara de Vereadores, continuando pelo calçadão até a Praça Veríssimo de Melo, onde os estudantes fizeram falas e discutiram os próximos passos da luta.
A manifestação em Macaé lembrou a ousadia dos Estudantes de São Paulo que realizaram centenas de ocupações contra o fechamento de escolas pelo governador Alckimin/PSDB, mesma política implementada por Pezão no Estado do Rio.
Os estudantes protestaram em apoio à luta dos profissionais da educação que decidiram entrar em greve a partir do dia 2 de março, em defesa da escola pública e contra os ataques do Governo Pezão ao conjunto dos Servidores do estado do Rio de Janeiro. A Greve da Educação dá os primeiros passos em Macaé, com muita unidade, Estudante e Educador!
Ao longo do trajeto os estudantes receberam muito apoio da população, que batia palmas, tirava foto e até cantava junto às palavras de ordem, “Ô educação parou, Ô” ou “Fora Pezão! Respeite a educação!” . O Sepe Macaé esteve presente, ao lado de vários professores que acompanharam a grande caminhada, com muito orgulho dos alunos.
(Texto retirado das redes sociais)
Mais imagens no link: https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=462659397263166&id=100005573299168&pnref=story


Com apoio de entidade e coletivos estudantis organizados Servidores farão atos neste dia 2 de março às 15 horas na ALERJ.

Nenhum comentário: